Teolatria

No Teolatria você encontra diversos estudos bíblicos em slides (power point) para baixar, além de muitas pregações, sermões expositivos, textuais, temáticos em mp3, dos pregadores da IMVC - Vilhena/RO: Pr. Cleilson, Pb. João, Pb. Alex, Pb. Wesllen Ferreira, Dc. George Michael, irmã Clair Ivete e pregadores convidados. Para ouvir os sermões em alta qualidade, peça seu cd por e-mail especificando seus dados para recebimento e qual mensagem você deseja adquirir: prcleilson@hotmail.com

quarta-feira, 22 de junho de 2011

A CEIA TEM A FORMA DA CRUZ


Na instituição da ceia, Jesus toma um pão, abençoa-o, parte-o, dá aos discípulos e diz: "Isto é o meu corpo". Já na hora de tomar o cálice, Jesus diz mais coisas a respeito: "Bebei dele todos: porque isto é o meu sangue, o sangue da nova aliança, derramado em favor de muitos, para remissão de pecados. E digo-vos que, desta hora em diante, não beberei deste fruto da videira, até aquele dia em que o hei de beber, novo, convosco no reino de meu Pai" (Mt 26.27-29).

Sobre o pão, entendemos que este simboliza o corpo de Cristo, que foi rasgado na cruz. Este ato de amor demonstrado por Cristo na cruz teve outros significados espirituais: Seu corpo rasgado trouxe aos pecadores acesso livre a Deus Pai, uma vez que o véu do templo se rasgou de alto a baixo na mesma hora em que Jesus morreu. O véu não era um pano fino, mas era feito de estofo azul, púrpura e carmesim e de linho fino retorcido (Êx 26.31). O historiador Josefo relata que o véu tinha 10 cm de espessura, era renovado anualmente, e que dois cavalos atados um de cada lado do véu, não conseguiam rompê-lo! Quando ele foi rasgado no dia em que Jesus morreu, ele foi rasgado de alto a baixo e não o contrário. Primeiro, de baixo pra cima ninguém conseguiria rasgá-lo. Segundo, sendo rasgado de cima pra baixo, isso mostra que foi Deus quem abriu acesso do homem para Si mesmo!

O corpo de Cristo também, misticamente simboliza a igreja, de acordo com a revelação dada ao apóstolo Paulo (Rm 12.4,5; 1Co 10.17; 12.12). Então, o pão partido representa a igreja do Senhor Jesus espalhada na face da terra. Cada pedaço do pão representa um membro deste corpo que é a igreja. Só que para fazer parte deste corpo, a igreja, o homem precisa ter seus pecados perdoados. Daí a importância que Jesus dá ao cálice. Os evangelistas reservam maior atenção ao cálice do que ao pão, quando relatam a ceia do Senhor.

Sem nossos pecados perdoados, não poderíamos fazer parte do corpo de Cristo. Sem derramamento de sangue não poderia haver remissão dos pecados. Então, se hoje fazemos parte do corpo de Cristo é porque tivemos nossos pecados perdoados. E se tivemos nossos pecados perdoados é porque Ele derramou Seu sangue para nos perdoar. Devo me alegrar por fazer parte do corpo, mas devo me alegrar muito mais porque meus pecados foram perdoados, o que me leva a fazer parte do corpo. Então orarei assim: "Senhor, obrigado por perdoares meus pecados, isto, entre outras bênçãos, me faz ser membro do Teu corpo".

Chego à conclusão de que, na ceia, quando como um pedaço do pão, quero dizer que tenho comunhão com todos os membros do corpo de Cristo, pois é isso que o pão significa. É por isso que devemos nos perdoar mutuamente. Pois se eu como um pedaço do pão tendo problema com meu irmão, então não estou discernindo o corpo (1Co 11.29). Já quando bebo o cálice, então quero dizer que tenho comunhão com Deus, pois o que me separava dEle era o pecado, e o cálice, que representa o sangue de Jesus, quer dizer que este sangue me purificou de todo pecado (1Jo 1.7).

Portanto a ceia tem a forma da cruz. Sua haste horizontal representa minha comunhão na terra com meus irmãos (por causa do pão - igreja); sua haste vertical representa minha comunhão com Deus (por causa do cálice - sangue).

Dia tes písteos.


Pr. Cleilson

Um comentário:

  1. Esse artigo é muito importante pois esclaresse muitas dúvidas que permeiam a mente de muitos cristãos.É de suma importância compreender o sentido real do pão e do cálice para não pecarmos contra o Senhor.

    ResponderExcluir