Teolatria

No Teolatria você encontra diversos estudos bíblicos em slides (power point) para baixar, além de muitas pregações, sermões expositivos, textuais, temáticos em mp3, dos pregadores da IMVC - Vilhena/RO: Pr. Cleilson, Pb. João, Pb. Lorival, Pb. Alex, irmão Rodrigo Tafarel, irmão George Michael, Irmão Wesllen Ferreira, irmã Clair Ivete e pregadores convidados. Para ouvir os sermões em alta qualidade, peça seu cd por e-mail especificando seus dados para recebimento e qual mensagem você deseja adquirir: prcleilson@hotmail.com

quinta-feira, 19 de julho de 2012

ESBOÇO SERMÃO TEMÁTICO - MULHER DE LÓ

LAÇOS QUE PRENDERAM A MULHER DE LÓ AO PASSADO (LC 17.32)


INT.: Não precisamos nos ater à história da mulher de Ló, porque já a conhecemos. Sabemos que seu destino (ser transformada numa estátua de sal) se deu por um extremo apego ao seu passado, que estava sendo arrancado dela à força, entretanto, era mais fácil arrancá-la de Sodoma do que arrancar Sodoma dela (e mesmo assim não foi possível)! O que para ela deveria ser um passado com laços rompidos, ainda era, infelizmente, um presente vivo no coração! Seu desejo de permanecer no lugar de onde deveria sair, levou-a a não medir as consequências do desastre da qual foi avisada! Seu apego ao passado foi mais forte e virou seu rosto para contemplar o que ela julgava estar perdendo... e assim se deu um dos maiores desastres na história daquela família!


S. T.: Veremos como a atitude da mulher de Ló está tão presente em nosso próprio coração e nos faz apegar ainda que inconscientemente às coisas do passado que precisam realmente ser destruídas, antes que elas nos destruam.


I – COMODIDADE
     1. Todos nós queremos viver bem
         a) É próprio do ser humano ansiar por mais e mais comodidade: a prova disso é que a tecnologia  avança para nos dar o menor trabalho possível
         b) Nós associamos o sedentarismo com bem estar e com isso vêm os problemas
     2. A comodidade abarca também o âmbito espiritual
         a) O costume com a facilidade material facilmente é transportado para a área espiritual
             · Passamos a exigir que as coisas de Deus sejam fáceis para nós
             · Reclamamos quando passamos por qualquer que seja a provação, alegando que outros não sofrem tanto assim
             · Queremos respostas rápidas e positivas para nossas orações, que agora já se tornaram curtas e objetivas
         b) O termômetro da vida espiritual passa a marcar temperaturas mais baixas
     3. Comodidade pode ser prejudicial por alguns motivos
         a) Pode se transformar em comodismo (a facilidade nos leva à preguiça)
         b) Pode se transformar em omissão (não praticamos o pecado, mas não o denunciamos também), já que ninguém nos incomoda, então não vamos incomodar ninguém também com nossa religião.
     4. Quando o Senhor nos chama a sair dessa situação de comodidade, geralmente nos mantemos presos ao nosso passado, o que nos impede de cumprirmos a vontade plena do Senhor.

II – PROSPERIDADE
      1. A ausência de necessidades é prejudicial e nos faz desvalorizar o que temos em abundância.
      2. Ela confunde minha visão acerca das coisas divinas:
          a) Eu passo a medir minha vida com Deus a partir das coisas que possuo ou conquisto.
          b) Automaticamente isso me leva a pensar que estou agradando a Deus de alguma forma.
          c) Por outro lado passo a pensar que se não tenho em abundância, então tem algo errado na minha vida com Deus
          d) Isso quando não penso que não preciso de Deus, já que possuo tudo que preciso...
      3. A prosperidade me faz correr o risco de ser egoísta – não acudir ao meu próximo em suas necessidades (Ez 16.49).
      4. É muito mais fácil nos desprendermos do passado quando ele não nos oferece nada, do que quando temos que deixar uma vida de facilidades para servir ao reino de Deus.


III – INDEPENDÊNCIA
      1. Viver longe de quem temos de prestar contas é uma tentação
          a) Não temos a quem explicar nossos erros
          b) Não temos que ter peso na consciência
          c) Não temos que corrigir nossas ações e relações
      2. Viver independente também é um perigo
          a) Nossa consciência acostuma-se com o modus vivendi e facilmente torna-se cauterizada
          b) O maior perigo é pensarmos que o pecado é normal
          c) Desconhecemos o limite da moral – por isso Sodoma era uma cidade empedernida com a imoralidade, além de outros pecados.
       3. Desprender-se do laço da independência é a coisa mais difícil que nos atinge hoje
           a) Parece interferir na nossa liberdade
           b) Temos que nos humilhar ao reconhecer as autoridades que estão sobre nós – filhos, empregados, mulheres, homens, crentes, alunos, etc.
           c) Dá a impressão que não temos senso moral e precisamos de alguém que nos diga o que é certo ou errado a fazer
       4. Entretanto, precisamos nos livrar do laço da independência que tínhamos no nosso passado.


IV – DESCASO
       1. Todos os dilemas que foram marcas na vida da mulher de Ló, nada são em vista do que veremos agora.
       2. O descaso é a consequência de todos eles.
           a) Ele cega nossos olhos para o juízo de Deus.
           b) Ele desconsidera o juízo ainda que saiba que ele possa ser verdade.
           c) Ele prende o nosso coração aos bens do passado, porque não compreende a verdadeira escala de valores.
               · Para alguém descuidado, as coisas que ele adquiriu têm mais valor do que o alerta de Deus.
               · Para alguém descuidado, seu passado é mais saudoso do que a nova vida que Deus tem pra ele
       3. O descaso é a negligência de quem se apegou em demasia ao seu passado e dá de ombros para a transformação que Deus quer causar nele.


CONC.: Nosso pai Abraão foi um exemplo de quem não teve problema nenhum com os laços de seu passado. Enquanto a mulher de Ló olhava para trás, Abraão prosseguia rumo ao alvo que Deus lhe dera (mesmo sem conhecê-lo); enquanto a mulher de Ló escolheu as verdes campinas de Sodoma, Abraão confiou que o Senhor lhe daria toda aquela terra por possessão; enquanto a mulher de Ló fixou residência em Sodoma, cidade que viria a ser destruída, nosso pai Abraão morou “em tendas com Isaque e Jacó, herdeiros com ele da mesma promessa; porque aguardava a cidade que tem fundamentos, da qual Deus é o arquiteto e edificador” (Hb 11.9,10); enquanto a mulher de Ló é lembrada por ter se transformado em uma estátua de sal, Abraão é lembrado por ser o pai de todos os que creem.


APLIC.: Acredito que vale a pena nos desprendermos dos laços do nosso passado, ainda que ele não tenha nada de tão atrativo como havia na vida da mulher de Ló. Mesmo assim, o Nosso Senhor nos adverte a não nos voltarmos para as coisas antigas, mas fazermos como o apóstolo Paulo: “esquecendo-me das coisas que para trás ficam, e avançando para as que estão diante de mim, prossigo para o alvo, para o prêmio da soberana vocação de Deus em Cristo Jesus” (Fp 3.13b,14).


APELO: Convido a você que deseja cortar seus laços com seu passado, ainda que ele seja de dor, mágoa, rancor, marcado por ódio e desprezo. A mulher de Ló tinha a que apegar-se, ainda que não fosse correto; mas você não tem que viver amarrado a esse tipo de prisão que lhe atormenta. Venha pedir ao Senhor que te livre dessa perseguição que não quer te deixar. Venha você também que ainda sente saudade do seu estilo de vida antigo, mas nesta noite percebeu que o Espírito Santo falou com você. Decida esquecer seu passado, corte sua ligação com tudo que lhe prendia lá fora e venha viver o novo que Deus tem para sua vida.


Dia tes písteos.


Pr. Cleilson

9 comentários:

  1. Graça e Paz Pr. Cleilson!

    Que benção!!!

    ResponderExcluir
  2. Que maravilha de msg..Era exatamente o que eu precisava ler...Somente nos achegando aos pés do Senhor é que podemos ser curados das dores que insistem em nos acompanhar..Deus abençoê ...

    ResponderExcluir
  3. Amém irmã Claudineia.

    Temos também essa mensagem em mp3 aqui mesmo no Teolatria.

    http://www.mediafire.com/download.php?4nls2gq28u6ddql

    ResponderExcluir
  4. ao ler essa mensagem vejo que á uma grande nessessidade de nos afastar,
    de todo o jugo desse mundo,e nos achegar cada vez mais a Deus!






    ResponderExcluir
  5. É verdade, irmã Lorena. O mundo tem algemas que nos prendem facilmente se não nos aproximarmos de Deus. Deus te abençoe, obrigado pela visita e comentário.

    ResponderExcluir
  6. Sou o pastor Edilson corrêa, e estou muito grato a DEUS por sua vida, e através dessa abençoada mensagem,tem alcançado muitas vidas,inclusive a minha.shalonadonai.

    ResponderExcluir
  7. Obrigado, pastores, pelo comentário no nosso espaço. Deus abençoe e frutifique o ministério de vocês.

    ResponderExcluir